-_-

A Silvia Duprat, Lúcia Campos, António Rosa
minha gratidão pelo amparo a este trabalho.

terça-feira, 9 de junho de 2009

Reconhecendo o Ser Umnico I

Cada consciência multidimensional é um Ser único, com expressão própria, vivendo a Unidade. Apenas em 3ª Dimensão, a consciência é fragmentada em bilhões de partículas que se nutrem da ilusão de sua “individualidade”.
Assim, ao se tornar uma consciência multidimensional, você começa a experimentar a natureza do que poderia ser denominado um Ser Umnico.
O primeiro resultado desta expansão de consciência é a compreensão amorosa que abrange todas suas imagens-personagens e as partículas despertas do que Eu Sou.
Afinal, você tem consciência de que são partes, ao seu ritmo, do Ser Umnico. E que o diálogo com elas em 3ª Dimensão é, na verdade, um monólogo comigo em 5ª Dimensão.
Na Lei em 3ª Dimensão: “Amarás ao próximo como a ti mesmo”, estava uma chave para esta compreensão amorosa.
Vou explicar melhor...
Você precisa exercitar permanecer desperto dentro do seu sonho. É sempre muito fácil cair no esquecimento do grande sonho tridimensional. Ao ficar desperto você lembra que o sonho é seu e só você tem a capacidade de respondê-lo. E lembra que foi você que escolheu as imagens-personagens que fariam parte do enredo que gravou em seu grande disco de vinil, antes de cair no esquecimento em 3ª Dimensão. Estas imagens-personagens são o seu “próximo”, aquelas partes de você que estão amorosamente convidando a lembrar-se o que se propôs experimentar a respeito do Amor, no grande sonho tridimensional. O Amor a si próprio em um perfeito monólogo amoroso.
Ao alcançar uma compreensão amorosa sobre esta Lei em 3ª Dimensão, você percebe que, em Verdade, ela se transmuta em uma Lei em 5ª Dimensão: “Amarás a ti mesmo porque assim estarás Amando o Todo”.
Esta compreensão amorosa opera o que você poderia considerar “milagres”. Isto porque suas imagens-personagens são também partículas do que Eu Sou. Elas atuam por Amor, como imagens-personagens no enredo do seu sonho. Mas, cada uma possui seu próprio enredo em seus discos de vinil.
Cada partícula tem o seu próprio enredo particular.
Quando você reconhece o que suas imagens-personagens o estão convidando a Amar em si próprio, simultaneamente você toca os discos de vinil daquelas imagens e as ajuda a despertar como partículas do que Eu Sou.
Este é um contínuo movimento amoroso, um bailado cósmico de partículas convidando-se mutuamente ao despertar da 3ª Dimensão.
Há um momentum em que todas as imagens-personagens se tornam partículas despertas do que Eu Sou.
No momentum em que todas as imagens-personagens se tornam partículas despertas do que Eu Sou, o Corpo de Luz com expressão própria confirma sua Presença ao Cosmos, no Agora contínuo. Por isso, o diálogo com elas em 3ª Dimensão é, na verdade, um monólogo comigo em 5ª Dimensão. Então, a Lei “Amarás a ti mesmo porque assim estarás Amando o Todo” se manifesta.
(continua...)

2 comentários:

Astrid Annabelle disse...

Estou adorando acompanhar este livro.
Um beijo agradecido.
Astrid

adriana disse...

:)